Resultado das eleições para Amorcrusp expressa a tendência de luta e a fraqueza da direita

Na eleição realizada em semana de feriado prolongado e com a participação de pouco mais de 30%, a chapa Retomada, que expressa o movimento de luta do último período, teve 35% dos votos.
Terminaram na sexta-feira, 23, as eleições para a Associação dos moradores do Conjunto Residencial da USP (Amorcrusp). O resultado foi 185 votos para a Retomada; 274 para Crusp Popular; 67 Pra Frente Crusp; 12 nulos.
A chapa vencedora é a continuidade da gestão atual. É a chapa que recebe apoio da SAS (Superintendência de Assistência Social), que acabou com as assembleias de moradores e se calou diante da eliminação de seis estudantes, moradores do CRUSP, da USP.
A eleição ocorreu logo após o feriado prolongado do dia 15 de novembro.
A chapa Retomada é a chapa dos estudantes que apoiaram a ocupação da antiga Coseas, atual SAS, para a abertura de novas vagas de moradia e para acabar com o esquema de vigilância e perseguição aos moradores.
É também a única que discutiu e se opôs à ocupação policial do campus.
A chapa foi um elemento novo nessas eleições e conseguiu agrupar o setor combativo e de luta.
Nesse sentido, foi vitoriosa por expressar a tendência ao reagrupamento dos setores em luta contra a ditadura na USP. Com todo o boicote que sofreu como a retirada de cartazes da chapa pela SAS, teve 40% dos votos na eleição.
O apoio à chapa Retomada foi muito grande e a direita, com medo que o setor ligado aos processados fosse gestão na Amorcrusp, retirou a chapa “Pra frente Brasil” no meio da eleição chamando voto na “CRUSP populista”.
É uma direita que não faz questão de esconder sua ligação com a SAS/Coseas, delata os moradores irregulares que, apesar de precisarem da moradia, não passam na suspeita seleção conduzida pela “Assistência Social”.
Os integrantes da chapa Retomada devem manter a unidade e continuar lutando pelas reivindicações dos moradores do CRUSP, contra a política de perseguição política da SAS.
Nessas eleições ficou claro pela intervenção da Retomada que é possível agrupar os setores que querem continuar na luta e abre o caminho para o fortalecimento desse grupo e que possa travar novas batalhas.

Resultado Final:

Crusp Popular: 274 votos 50,92%
Retomada: 185 votos 34,48%
Pra Frente Crusp: 67 votos 12,45%
Nulo: 12 votos 2,2%