Participe da campanha pelo fim dos processos contra os 72 da USP no centro de São Paulo

Imagem

Estudantes processados e militantes do PCO estão organizando uma campanha de rua no centro de São Paulo. Todos os dias, companheiros montam uma banca na Praça do Patriarca para colher assinaturas contra os processos, distribuir panfletos e adesivos da campanha e informar a população sobre o que está acontecendo na universidade.

Esta iniciativa é de suma importância para ampliar a campanha contra os processos. Sem duvidas, essa  é uma oportunidade ímpar para debater com a população o problema da repressão nas universidades, a privatização da USP e todos os ataques do governo do PSDB contra a educação pública.

A atividade permite que a luta contra os processos antija os trabalhadores, que também sofrem com os ataques do PSDB. Na tarde da última quarta-feira, os processados realizaram uma campanha em duas atividades dos movimento sociais. Na parte da manhã, foram colhidas assinaturas dos trabalhadores do movimento sem-teto que protestavam em frente à prefeitura. Na parte da tarde, a atividade foi realizada na assembleia dos servidores da prefeitura de São Paulo.

O aumento da repressão e perseguição política aos diversos setores organizados de trabalhadores e estudantes nos últimos tempos tem colocado a necessidade de uma ampla campanha conjunta contra estes ataques.

A unidade dos estudantes com os trabalhadores é fundamental para barrar a ofensiva contra as liberdades democráticas. Diante desta ofensiva da direita contra os movimentos de luta é necessário realizar uma ampla para reunir todos que estão sendo perseguidos dentro e fora das universidades.

A campanha de rua precisa do seu apoio. É preciso defender a universidade pública e gratuita e a liberdade de expressão e organização. Convidamos todos a participarem desta iniciativa.

André Sarmento
Estudante de Letras e militante do PCO

Imagem