Unesp: Marília e Ourinhos em greve

Os estudantes da Unesp do campus de Marília e Ourinhos estão em greve. Em Ourinhos, desde a última sexta-feira, dia 19, os estudantes paralisaram as aulas por tempo indeterminado. Na quarta-feira, dia 17, em assembleia geral, os estudantes aprovaram greve reivindicando políticas de permanência estudantil.

Já em Marília a greve foi aprovada em assembleia realizada na segunda-feira, dia 22. A pauta de reivindicações dos estudantes de Marília, segundo a assembleia geral dos estudantes da Faculdade de Filosofia e Ciências:

1) por maioria contrastante de votos decidimos pela GREVE GERAL DOS ESTUDANTES;

2) por maioria contrastante de votos decidimos pela OCUPAÇÃO DO PRÉDIO DA DIREÇÃO da faculdade;

3) por maioria contrastante de votos decidimos por OCUPAÇÃO (ENTRAÇO) DO RESTAURANTE UNIVERSITÁRIO ATÉ A REVISÃO DAS BOLSAS DE AUXÍLIO SÓCIO-ECONÔMICO;

O jornal da USP Livre! dá todo apoio a luta dos estudantes da UNESP de Marília e de Ourinhos contra os ataques sobre a permanência estudantil nas universidades públicas!

Um comentário

  1. Não gostou do texto, responda, tenho certeza que a seita sectária que criou o jornaleco mixo e sem expressão adorará publicar o texto de uma pessoa tão superior como você.

    Curtir

Os comentários estão desativados.