PARA O DCE, NA USP, OS ESTUDANTES SÃO DEUSES E VIVEM NO OLIMPO

Imagem

A vida dos estudantes da USP deve ter mudado muito desde o meu desligamento, pois foi deflagrada uma greve estudantil sem nem mesmo a existência de uma pauta de reivindicações discentes. Isso deve significar que, para o DCE, o setor estudantil não necessita de mais nada; atingiu a plenitude do bem-estar. Será que, para o DCE, os estudantes vivem como Deuses e a USP se tornou o Olimpo?

Mudanças substanciais devem ter ocorrido na USP em 2014: fim do assédio na graduação e pós; professores que administram suas unidades e departamentos com sensatez e ética, fim da obrigatoriedade do puxa-saquismo e corporativismo na academia; e uma super estrutura para assistir os Deuses (digo, estudantes).

Fico imaginando como deve ser a nova vida estudantil…

O CRUSP, por exemplo: Um morador com a sua mochila chega ao seu bloco e logo corre o guarda, perguntando com muita delicadeza e refinamento: O Sr deseja que eu carregue a sua bagagem até o quarto? Que cabeçada, que nada! Isso é intriga dos radicais e machistas do USP LIVRE. O pobre Sr só se abaixou para pegar a mala do rapaz e, sem querer, atingiu levemente uma das têmporas do estudante. Radicais grotescos que gostam de enlamear o nome da Instituição! Os quartos têm agora até frigobar, acesso a internet 5 GG, travesseiros com penas de ganso e fronhas com bordado a mão “PSTU /PSOL & ZAGO”.

O BANDEJÃO: Como os estudantes da USP adquiriram o status de deuses, devem se alimentar como deuses, ora. Deve constar no cardápio coisas como ambrosia, manjar e mel. O maldito ovo deve ter sido abolido. As roletas das entradas dos restaurantes devem ser coisa do passado. Você chega lá, é recebido pelo maître (muito bem alinhado), que o conduz até sua mesa e pergunta: Canapés e brioches para o café da manhã, Sr?

Outra intriga desavergonhada do USP LIVRE: a falta de suco no bandejão. Para que o típico suco com gosto de tinta, se havia nos freezeres centenas de garrafas de champanhe gelando, para serem servidas aos estudantes? Gente que não se contenta com nada! Agora, querem pauta de reivindicações estudantis para a greve!

O BUSP: Esse foi extinto. Agora tem os LIMUSPs, uma maravilhosa frota de limusines, disponíveis para os estudantes, que passam de minuto em minuto na frente de cada prédio.

CULTURA E EXTENSÃO: Nos intervalos das aulas, os agentes do SASSSS…(que agora, ganhou mais “sssss” no nome para demonstrar a eficiência e rapidez; SASSSS, quando você viu já passou – é o seu slogan) abanam os estudantes com longas plumas, servem uva nas suas bocas enquanto esses cochilam. Há apresentações da boba da corte enquanto seu afiliado de terno toca Harpa (♫pstus… ♪psols… ♫pstus….).

É lógico que esse luxo e conforto disponibilizado aos estudantes só poderia gerar falta de verba na gestão do Adorável Marazago. Pobres funcionários e docentes! Só resta a nós (vocês), estudantes, apoiá-los nas suas reivindicações e greve, pois já vivemos como Deuses. 

Katya Parcianello